top of page

Uma análise séria e oportuna

Em entrevista prestada ao jornalista Rogério, o Professor Plínio de Arruda Sampaio Jr., da UNICAMP, traz enorme contribuição para a compreensão da realidade brasileira. Em síntese, o professor paulista mostra o que ele chama "enquadramento" de Lula ao modelo do neoliberalismo, não um governo avançado, capaz de resolver nossos reais problemas. O que Plínio Jr enxerga não é mais que modernização, sequer a reforma dos princípios gerais e fundamentais da nova forma de o capitalismo em vigor apresentar-se. Assim, a legislação sobre o que se tem chamado "arcabouço", a reforma tributária e outras medidas propostas pelo Executivo e minimamente alteradas pelo Legislativo se tem prestado apenas à flexibilização do ambiente econômico-financeiro, sem impacto minimamente significativo na sociedade. Por isso, o professor da UNICAMP não aposta um centavo na redução da desigualdade vigente, dado que 1% da população permanecerá detendo quase 50% do PIB. Assim, Lula apenas legitima o golpe dado em Dilma e opera o que pode ser visto como uma forma de modernização conservadora. Tudo como antes no quartel de Abrantes, que Lampedusa tão bem grifou: mudar para que tudo fique como está.

Para quem deseja ouvir toda a entrevista de Plínio, o link abaixo terá grande valia. Usem-no!

https://aepet.org.br/aepet-tv/plinio-sampaio-jr-bloqueio-ideologico-mantem-brasil-escravo-do-neoliberalismo/

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Mandatos pró-ambiente

PSOL e Rede inscreverão 11 de seus filiados para concorrer nas próximas eleições municipais. Eles são candidatos a uma vaga coletiva, para defender o meio ambiente, diante da degradação por que passa

Genocídio dos indígenas

Vai de vento em popa o processo de exterminação das populações e povos originários nas terras a que os europeus chegaram em 1500. O Conselho Missionário Indigenista, o bravo CIMI, ainda dia 16 deste m

TRE convida Comitê Anti-Corrupção

O Comitê Amazonas de Combate à Corrupção participará, na tarde de hoje (15:00) da Reunião Geral de Combate à Desinformação com os institutos de pesquisa eleitoral, no Plenário do TRE/AM. Será discutid

Commentaires


bottom of page