top of page

Selado

A convenção que sagrou o atual governador do Amazonas a postular a reeleição ensejou declaração no mínimo curiosa, saída da boca do prefeito David Almeida, de Manaus. Embora firme(?) no apoio ao pretendente a novo mandato, o chefe do Executivo Municipal diverge em relação a outros políticos alinhados a Wilson Lima. O caso mais flagrante é o dos candidatos ao Senado. Por causa disso, e pondo em destaque os ataques e restrições determinadas pelo (des)governo federal à zona franca, David encontra um cavalo de Troia infiltrado nas forças que ele acredita do bem. Outros diriam tratar-se de um traíra, tanto a apego e lealdade aos que desejam destruir a economia do Amazonas. Já o governador, com a ingenuidade discutível até em uma garota de 10 anos em colégio interno, considera os ataques à economia local coisa ocasional. Ou ele não lê jornais nem vê televisão há anos, ou é do caráter dele trair os que lhe concederam o voto (será que ainda o concederão?). Nesse caso, David talvez possa encontrar outros cavalos postos na mesma linha. Torna-se mais difícil montar em cavalo selado, quando mais de um passa à frente de qualquer cavaleiro. Nem Dom Quixote seria capaz de fazê-lo. Montar em Rocinante qualquer sempre será mais seguro.

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

França e franceses

Mais uma vez vem da França o anúncio de novos avanços na História. Esta quinta-feira marca momento importante daquela sociedade, há mais de dois séculos sacudida pelo lema liberté, fraternité, egalité

Uso indevido

Muito do que se conhece dos povos mais antigos é devido à tradição oral e a outras formas de registro da realidade de então. Avulta nesse acúmulo e transmissão de conhecimentos a obra de escritores, f

Terei razão - ou não

Imagino-me general reformado, cuja atividade principal é ler os jornalões, quando não estou frente à televisão, clicando nervosamente o teclado do controle remoto. Entre uma espiada mais demorada e ou

Comments


bottom of page