Fagocitose e antropofagia

Talvez influência das comemorações do centenário da Semana de Arte Moderna, ocorre-me a lembrança das palavras postas no título desta nota. Antropofagia, boa parte dos brasileiros sabe, é o costume de comer carne humana, como o faziam os tupinambá. No caso deles, sem o mesmo sentido e significado relacionados ao recebimento de auxílio-residência. A outra, fagocitose, não sei quem mais além dos biólogos e profissionais afins, sabe o que é. Resumida e toscamente, dizemos tratar-se de um processo biológico em que uma célula "come" outra, protegendo o organismo de uma infecção. Nada sei além disso, salvo quanto ao caráter ritual da antropofagia, explicada como a tentativa de herdar as qualidades e as virtudes do morto. Soubesse sobre o momento inicial, a duração e o momento final da fagocitose, talvez dissesse algo mais sobre os quatro anos exigidos das federações politicas em fase de organização.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O poeta e ator DÓRI CARVALHO ocupará desde manhã cedo do DIA 22 (domingo) o ESPAÇO ABERTO desta nau. Seu texto Uma doença estranha traz à atenção dos visitantes/leitores um mal ainda por ter todos os