top of page

Armas, com certeza!






Casamata? Trincheira? Paiol de pólvora?

Ou casa de armas?

Não sei...

Garantem-me a segurança

a ignorância ameaçadora

rondando-me o quintal

escondem-me do inimigo

de ódio vestido

arma na mão

a mira feita

o tiro pronto

para ganhar mundo

vidas

tudo de que o

Imundo dizem gostar

explodirá um dia

quando o coração

almado até

os dentes

porque não morde

não poderá mais

suportar


11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

França e franceses

Mais uma vez vem da França o anúncio de novos avanços na História. Esta quinta-feira marca momento importante daquela sociedade, há mais de dois séculos sacudida pelo lema liberté, fraternité, egalité

Uso indevido

Muito do que se conhece dos povos mais antigos é devido à tradição oral e a outras formas de registro da realidade de então. Avulta nesse acúmulo e transmissão de conhecimentos a obra de escritores, f

Terei razão - ou não

Imagino-me general reformado, cuja atividade principal é ler os jornalões, quando não estou frente à televisão, clicando nervosamente o teclado do controle remoto. Entre uma espiada mais demorada e ou

Kommentare


bottom of page