SOBRE O PLANO DE VACINAÇÃO NO AMAZONAS

Segundo o IBGE, o Amazonas tem uma população estimada de 4.207.714 habitantes.

O Plano Operacional da Campanha de Vacinação Contra a COVID-19 no Amazonas apresenta a meta de vacinar 1.154.504 habitantes em todo estado, ou seja, aproximadamente 28% da população.

O Ministério da Saúde propõe dividir em 4 fases a vacinação, atendendo na primeira fase 262.142 habitantes, entre indígenas aldeados, trabalhadores da saúde e pessoas de 60 anos ou mais, além de um tal de "pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas" (sic).

Professores, quilombolas, ribeirinhos, pessoas com deficiências graves, trabalhadores em transportes coletivos só entrariam na quarta fase.

A Fundação de Vigilância em Saúde, que elaborou o plano estadual, apresentou duas propostas: uma em duas fases e outra em fase única.

Na primeira fase serão imunizados 513.223 habitantes e na segunda, 641.282.

Tanto na proposta do MS quanto da FVS os números totais para imunização no estado não alteram: 1.154.504 ou 2.424.458 doses de vacinas, já considerando 5% de perdas.

O que muda na proposta do Amazonas é imunizar em duas fases ou em fase única, atendendo 513.222 habitantes na primeira fase e não 262.142 como propõe o Ministério da Saúde.

Tanto o MS quanto a FVS também não mudam o público/alvo da primeira fase.

ALGUMAS OBSERVAÇÕES

1- O Plano Estadual não é um plano, é uma proposta.

2- Temos hoje 306 mil doses de vacinas (256 mil do MS e 50 mil do governo de São Paulo) para um grupo prioritário de 512.822 pessoas.

3- Na proposta do MS e da FVS só entram trabalhadores de educação do ensino básico (51.583) e do ensino superior (10.084).

4- Só de pessoas com mais de 60 anos o Amazonas tem 325.823.

5- Trabalhadores da educação e do transporte coletivo não entram no grupo prioritário, apesar de trabalharem com grandes contingentes humanos.

Para alcançar a modesta meta do Plano, precisaremos de 2.424.458 doses de vacinas. Já recebemos um sinal, o que nos abre um caminho de esperança, mas não voltaremos à normalidade com apenas 28% da população vacinada.

Eis a questão.


Lúcio Carril

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

A POESIA NO PARÁ

Orlando SAMPAIO SILVA Esta é uma relação ou uma listagem parcial de poetas que, se não são todos nascidos no Pará, todos têm pertencimentos de várias ordens com o Estado nortista. Vamos a eles: - AUGU

Por que celebrar Daniel Coelho de Souza?

Parte IV Pois bem, decorridos exatos 70 anos da publicação de Interpretação e Democracia, permanece no ponto crítico em que se encontrava, desde então, a velha disputa entre judiciaristas e parlamenta

A Razão da primavera

É verdade: sou um romântico. E não pretendo abrir mão disso que considero uma qualidade humana. Escrevo em resposta àqueles que pensam estar desqualificando meu discurso me chamando de romântico. O fa

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.