Sempre ele

"E continuamos devagar, atraídos pelo mercado, o velho mercado bafiento, onde todas as sinfonias do ventre se harmonizam à noite: a miséria, o vício, a indigestão, a pobreza e a depravação...". João Paulo Emílio Cristóvão dos Santos Coelho Barreto, ou Paulo Barreto, ou João do Rio, sobre a capital federal, faz cem anos. (IN A vida vertiginosa de João do Rio, R. Magalhães Jr., Editora Civilização Brasileira, p.85).

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Frases 122

Com razão devemos nos indignar, mas não devemos nos trancar na indignação. Do alto de quase um século vivido, disse-o Edgar Morin, filósofo francês. Referia-se o estudioso e um dos principais teóricos

Desinformação ou subserviência

Diário local refere-se ao General-Ministro da Saúde como se ele tivesse algum dia, por horas apenas, ocupado o Comando Militar da Amazônia. Nunca isso ocorreu, e não por uma boa e legal razão. Eduardo

Frases 121

Descompasso ético, estético, criminoso. Disse-o Luís Francisco de Carvalho Filho, no artigo Motins politicos (FSP, 09.01.2021), ao comentar a invasão do Capitólio, Washington, por horda estimulada e c

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.