Se não fosse...

Seria de matar de rir a expressão contida em uma das PECs guedianas levada ao Congresso. Nela há a expressão equilíbrio fiscal intergeracional, como fundamento do desmonte da rede de proteção aos mais pobres. Pior, o comentário laudatório, do economista Samuel Pessoa, dos quadros do Instituto Brasileiro de Economia, da FGV/RJ. Também membro de uma empresa de consultoria. Seria de rir, se não fosse trágico.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Não é alpiste

Torcendo pela saúde restabelecida do ridículo Luciano Hang, mais a fazer é esperar dele comportamento adequado à sociedade dos homens. Seu aspecto de periquito, motivo para boas risadas, não o autoriz

Prefixo

Prefeito de Manaus, David Almeida apresentou suas verdadeiras credenciais, antes mesmo de seus glúteos esquentarem o assento em que os eleitores o puseram. Se a falta de oxigênio mata pessoas infectad

Casquinhas

A tragédia sanitária de Manaus anunciava-se, documentos eram elaborados indicando-o, e os deputados se entretinham com o que tentam convencer a população de que para isso são pagos. Agora, não faltam

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.