Prudência e medo

Atribui-se a vários autores a frase que recomenda a retirada: nem tão apressada que pareça fuga, nem tão lenta que pareça medo. É nesse tom que vai recente entrevista do ex-senador Aluízio Mercadante, do Partido dos Trabalhadores. Para ele, o PT deve fazer a autocrítica. Sua opinião é a de que, embora maiores os acertos do governo petista, o partido errou muito. Por isso, a autocrítica se impõe. O que me parece prudência (ou será habilidade oportunista?) vem no destinatário da autocrítica, para Mercadante os membros do PT. Ora, não é só o voto deles que pesará na próxima eleição. Todo o povo brasileiro precisa ouvir a mensagem de arrependimento. Lula já se manifestou contra. Nem apresenta, a meu juízo, credenciais para disputar o pleito. Por isso, deve entrar na campanha como mero eleitor, soldado ao invés de general. Como deseja.

1 visualização

Posts recentes

Ver tudo

Se não é genocídio...

Descobrem pouco mais de 7 milhões de testes PCR da covid-19 estocados em depósito no aeroporto de Guarulhos, SP. Destes, quase 97% vencem em dezembro e janeiro próximos. O restante, cerca de 280 mil,

Retrato 18 – Talião 2020

Quase 2.000 anos antes de Cristo, criou-se o conceito do jus talionis. Diferentemente do que muitos pensam, esse segundo vocábulo não é mais que um conceito, ao invés do nome de alguém. Refere-se ao e

O segundo turno

Enfrentar preconceitos tem sido uma constante na vida do setentrião brasileiro. Como, de resto, nas regiões distantes do centro de poder. Este, como todos sabem, intimamente vinculado ao poder econômi

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.