top of page

Papel lamentável

O candidato à Presidência pelo PDT, Ciro Gomes, mais uma vez se deixa levar pela bile. Aquinhoado pelo então Presidente Lula, fez parte do Ministério dele e ganhou prestígio nacional. Isso lhe acendeu apetite e pretextou voo de maior alcance. Derrotado no primeiro turno da eleição de 2018, preferiu Paris à boca de urna. Ganhou, assim, o direito de constar no rol de ingredientes que prepararam a sopa indigesta que maltrata os brasileiros. Agora, junta pedras para atirar novamente em Lula. Um plágio dele mesmo. Leonel Brizola, fundador do PDT, nunca faria igual.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Não fazem falta

Há indivíduos que, ausentes, fazem enorme favor aos outros. Cafu e Ronaldinho Gaúcho organizam um jogo entre veteranos, cuja renda se destinará às vítimas das enchentes do Rio Grande do Sul. Enquanto

O medo da urna

A credibilidade do governador Eduardo Leite afundou de vez nas águas do Guaíba e outros rios. Quando todas as cidades atingidas pelas enchentes baixarem, restará na lama o prestígio do governante. Alé

Provas provadas

A Revista de Saúde Pública, do Instituto Sérgio Arouca, tirou as dúvidas. Nós municípios em que o ex-capitão excluído das forças armadas e tornado inelegível venceu as eleições de 2022, o índice de mo

Comments


bottom of page