Nem parece...

Por onde quer que se tenham espalhado, as políticas neoliberais têm produzido maus resultados. Pelo menos, para a maioria. Grécia, Polônia, Espanha, Portugal, Chile, Equador...a lista seria longa. No Brasil, a desigualdade só tem aumentado, anos após ano. Nem as tímidas medidas dos governos anteriores a Temer se sustentaram. Caem como folhas ao vento. Mais recente, a anti-reforma trabalhista está por provar sua capacidade de gerar empregos. Pouco ou nada se pode esperar da anti-reforma previdenciária. Nem de qualquer outra vinculada aos Chicago Boys. Parece que poucos são os que enxergam ou desejam enxergar isso.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Mais um capítulo amazônico

Durante a sessão de abertura do Encontro anual do Ano Acadêmico Paulo Freire, pelo Núcleo de Estudos de Administração e Pensamento Social - ABRAS/UFF, será instalado o Capítulo Amazônia, integrado por

Hora do pega pra...

Por mais que o Presidente e o Relator da CPI da covid-19 desejem e mesmo tentem, difícil será manter a tranquilidade, quando sabemos que a marca de 500 mil cadáveres se aproxima. Nem todos têm consciê

Pensamento não morre

Há vinte e quatro anos, em outro 02 de maio, deixava-nos Paulo Freire. Doze anos depois, foi embora Augusto Boal. O pensamento e a ação de ambos, dignificantes e justificativas da nem sempre provada s