Na quina

Já dá boa polêmica o uso de cloroquina no tratamento de portadores sintomáticos do covid-19. Há análise para todo gosto. Uns se preocupam com os efeitos colaterais, outros com a urgência no tratamento. Uns, com a economia parada; outros, com a manutenção da vida humana. Há os que veem suficientes evidências nos bons resultados do uso da hidroxicloroquina na malária e em outras doenças; outros exigem o cumprimento de todas as etapas dos experimentos científicos. Uns e outros, neste caso, parecem ter razão. Quanto mais se estudar, informar e discutir, mais têm a ganhar a ciência e a sociedade.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Médicos paulistas se manifestam

Firmada por todos os ex-Presidentes vivos da entidade, Carta ao Público de profissionais inscritos no Conselho Regional de médicos de São Paulo - CREMESP, reivindica a pronta e vigorosa manifestação d

Retrato 26

Às 15:52 desta quinta-feira, encontro no sítio cidadeverde.com notícia inquietadora. Trinta pacientes amazonenses serão transferidos em voo da FAB para Teresina. Embora a manchete diga que as autorida

Inspiração

Por texto de Demétrio Magnoli – nem sempre bem inspirado – descobre-se a fonte da política regressiva em vigor no Brasil. Se a ameaça de não admitir outro resultado eleitoral que o desaprove, e o anún

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.