Lançado ao mar

Ás vezes é preciso lançar ao mar o tripulante que parece pesado demais. Para manter a pose do comandante. Por isso, o funcionário do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues pode ir esvaziando as gavetas. O sinistro Paulo Guedes, na função de bandeirinha, já disse ao árbitro quem deve receber o cartão amarelo.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Relógio e tempo

Hoje, novo poema é postado em PanPoética Demia. Desta vez, ilustrado. Passe por lá, de preferência vacinado e/ou seguindo todas as recomendações da Ciência e dos que a produzem ou respeitam.

Administração e pensamento

Grupo regional de professores e estudiosos da Administração reúne-se virtualmente na tarde da quinta-feira, 04, para elaborar atividades que constarão da reunião anual do ABRAS - Programa de Estudos d

Luzes no caminho

É de um geólogo orientado por estrelas como as que conduziram Melchior, Baltazar e Gaspar, o texto que se lê, buscando o link abaixo. Daniel Nava se chama o profissional, sendo nosso dever evitar seja

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.