João do Rio

A próxima quinta-feira marcará o início das atividades relacionadas à Semana do Livro, que se vai transformando em tradição na capital do Amazonas. Promovida pela Prefeitura de Manaus, ManausCult à frente, a semana ocorre em torno do dia 23 de abril de todo ano. A data festeja o nascimento de Miguel de Cervantes e William Shakespeare, e foi escolhida pela UNESCO como o Dia Mundial do Livro. Desde 2017 ocorrem eventos culturais em diversos espaços instalados em várias instituições. Estas, nos últimos três anos, só se têm multiplicado no apoio e acolhida das atividades. Os autores de Dom Quixote (2017), Romeu e Julieta (2018) e Grande Sertão: Veredas (Guimarães Rosa, 2019) foram homenageados. Este ano, João Paulo Emílio Cristóvão dos Santos Coelho Barreto recebe a homenagem. Indicou-o, logo após encerradas as atividades de 2019, o saudoso artista plástico amazonense Óscar Ramos, um dos maiores entusiastas de todas as Semanas realizadas.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Confusão tola

As novas tecnologias da informação que na percepção de Marshall Mac-Luhan transformaram o mundo em uma aldeia global, nem sempre têm sido vistas com a seriedade necessária. Talvez aí esteja uma das ra

Policialesco

Quem ainda tenha dúvida sobre a transformação do Estado democrático de Direito em um Estado policial, leia com atenção noticiário sobre as irregularidades atribuídas ao ex-reitor da UFSC, professor Lu

Justa reverência

Denominar o prédio em que se instalou a Faculdade de Artes da UFAM de Maestro Nivaldo Santiago era o mínimo que o velho professor merecia. Fez-se justiça a ele, cujos serviços profissionais engrandece