Invisibilidade do mal



Ser invisível a separar

pais de filhos

marido de mulher

irmãos de irmãos

amigos e tantos

quantos fingimos próximos

e semelhantes

junta-os todos

na angústia e no

medo

de um amanhã

que não se sabe

tira o sabor

da vida

(quando não ela mesma)

de tudo o mais

quanto o prazer que lhe dá o

ser vivida

desnuda contudo

sentimentos sopitados

anseios e apetites

deslavados ...

acompanha-os certa fúria

genocida.


Manaus, 17 de agosto de 2020.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Morto - o sonho?

Desta não escapamos o vírus foi mais forte forçou-nos a abandonar vocês não sabemos se deixamos só que trouxemos conosco tanta saudade a falta do beijo sorridente do neto a preocupação com o emprego d

Homem e máquina

Disseram-me: cala-te não me calei. Insistiram: guarda tua pena outras pagarás! Fiz-me surdo. Ameaçaram-me: na tua boca poremos o gosto do fel em tua vida também! Perseverei... Olhos sempre postos no a

Diante do pelotão

Nossos modos de ver o mundo separam-nos mais que dois mil quilômetros de coloridas águas tornaram meus olhos secos ao ponto de não reterem nem verterem o profundo sentimento de lamentável dolorida ind

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.