top of page

Inovação

Pelo menos um produto tem ganhado prestígio, na corrida tecnológica. Nunca se produziu tanta shit-box quanto hoje, no Brasil. Quase não há lugar em que falte alguém usando-a sobre o pescoço. Quando se abrem as bocas, é quase certo que parte da matéria que elas contêm deixa insuportável mau cheiro. Nesse item, nossa criatividade também parece insuperável. Para isso, nunca faltou promoção, estímulo, apoio e financiamento. Ou, talvez, nem tenha sido necessário usar dinheiro. Os portadores de shit-boxes têm a caixa cheia.

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Não fazem falta

Há indivíduos que, ausentes, fazem enorme favor aos outros. Cafu e Ronaldinho Gaúcho organizam um jogo entre veteranos, cuja renda se destinará às vítimas das enchentes do Rio Grande do Sul. Enquanto

O medo da urna

A credibilidade do governador Eduardo Leite afundou de vez nas águas do Guaíba e outros rios. Quando todas as cidades atingidas pelas enchentes baixarem, restará na lama o prestígio do governante. Alé

Provas provadas

A Revista de Saúde Pública, do Instituto Sérgio Arouca, tirou as dúvidas. Nós municípios em que o ex-capitão excluído das forças armadas e tornado inelegível venceu as eleições de 2022, o índice de mo

Commenti


bottom of page