Futuro sem futurologia

Quem se dá o trabalho de pensar e imaginar, e quem aprecia aprender com os que pensam, dica importantíssima: doze dos mais atualizados filósofos, sociólogos, jornalistas e outros pensadores vêm tratando do futuro do Mundo. Resenha dos seus pensamentos publicados (em livros, artigos, ensaios e entrevistas) está na edição de hoje da Folha de São Paulo. O time é maior que o de uma equipe de futebol. São eles: Giorgio Azamben, Roberto Esposito, italianos; Jean-Luc Nancy, Alain Badiou, Bruno Latour, franceses; Judith Butler, David Harvey, Noam Chomsky, norte-americanos; Naomi Klein, canadense; Peter Singer (australiano) e Paola Cavalieri (italiana); Han Buyung-chul, sul coreano; Frank Furedi, húngaro; Theodore Dalrymple, britânico; Paull Preciado, espanhol ; Slavoj Zizek, esloveno.


2 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Dinheiro enfezado

Cenhos cerrados, aparência indignada são expedientes conhecidos. Nem mesmo a cueca substituindo as pochetes e capangas (lembram-se delas?) é inédita. Mas criatividade não falta aos nossos políticos. P

Perverso roteiro

Promessas vãs. Indignação tradutora de hipocrisia. Aposta na ignorância do eleitor. Simulação de estar chegando agora. Chororô. Inoperância atribuída aos poucos recursos disponíveis. Mais do mesmo, às

Lições da vida

Desigualdade, taxação de grandes fortunas, inflação parecem palavras canceladas dos dicionários. Os especialistas e os curiosos – esses, então...! – raramente as mencionam em suas lições de rastejante

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.