Falência

Cada dia me convenço mais de que um dos melhores negócios do mundo, onde quer que ocorra, é a falência. Ainda agora, os britânicos veem uma de suas mais tradicionais agências turísticas quebrar. A repatriação dos turistas lesados pela esperteza dos fleumáticos empresários custará alguns milhões de libras. Tudo pago pelo contribuinte de lá. O mais curioso é que ninguém, contribuintes e governo, se preocupa em avaliar a fortuna dos felizes e endinheirados falidos.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

É, no mínimo, desconfortável a situação do deputado Marcelo Ramos. Não faz muito tempo, ele era tido como um dos mais promissores políticos do Amazonas. Ganhou destaque como membro do PC do B, antes

O editor deste blog suspenderá a postagem de poemas de sua autoria em PanPoética Demia, que chegam ao número 100. Assim como pode haver poesia onde menos se suspeita que ela esteja, haverá férias no e