Fé virtualizada

Houve alívio, quando o helicóptero sobrevoou Belém, no domingo do Círio de Nazaré. Grande parte dos católicos da cidade temia menos grandioso e emocionante a maior procissão de fiéis do Mundo. Colho as impressões, fiel ao meu agnosticismo. Em alguns dos meus interlocutores encontrei entusiasmo e aplauso, talvez maiores que os experimentados nos anos anteriores. Os meios eletrônicos se encarregaram de completar o espetáculo, enquanto o Arcebispo Metropolitano de Belém passeava com a santa, despejando chuva de pétalas sobre os hospitais. Virtualidade oxalá atraia virtude a todo o rebanho. E aos outros, que mesmo sem professarem a mesma fé religiosa sabem respeitar e solidarizar-se com os diferentes.

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Mercado

Oferta e procura se encontram. Ao final, chegam ao objetivo buscado: o preço. Simples assim, diria o obediente general Pazuello. Atento a isso que se considera a principal lei de um ser etéreo, invisí

O coringa desastrado (?)

Migrante ministerial, o réu confesso Ônix Lorenzoni troca de pasta como quem troca de roupa. Perece certo ministro da ditadura, pau para toda obra. Com uma vantagem sobre o pretenso candidato ao gover