Encontro e desencontros

Dizia Vinícius de Moraes ser a vida a arte do encontro, não obstante haver tanto desencontro pela vida. O das águas (encontro ternamente descrito pelo cearense Quintino Cunha) será considerado patrimônio cultural natural. Com outro poeta,dos mais festejados e identificados com as boas causas, engajado no processo. Boas águas te banhem, Thiago de Melo!

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O brasileiro comum mal se reconhece nele mesmo. Por muito tempo iludido quanto à imagem de cordialidade e disposição para o entendimento, bastaram-lhe menos de quatro anos para ver-se de modo diferent