Encontro e desencontros

Dizia Vinícius de Moraes ser a vida a arte do encontro, não obstante haver tanto desencontro pela vida. O das águas (encontro ternamente descrito pelo cearense Quintino Cunha) será considerado patrimônio cultural natural. Com outro poeta,dos mais festejados e identificados com as boas causas, engajado no processo. Boas águas te banhem, Thiago de Melo!

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

uma cerejeira e uma saudade*

em julho, quando o mês finda há uma data charmosa que já foi linda e segue teimosa há também uma cerejeira que floresce certeira que a saudade desvanece elas chegam sempre no espaço da espera no vazio

Policialesco

Quem ainda tenha dúvida sobre a transformação do Estado democrático de Direito em um Estado policial, leia com atenção noticiário sobre as irregularidades atribuídas ao ex-reitor da UFSC, professor Lu

Na linha de tiro

Cresce a literatura sobre o infausto período histórico de que somos protagonistas e pacientes. Têm-se posto em questão fenômenos relacionados sobretudo à fragilização da democracia. Pouco a pouco, sen