Duplamente cidadão

Das mais justas a homenagem que a Câmara Municipal de Manaus prestará ao poeta e livreiro Dorival Querino Carvalho, o Dori Carvalho que toda a cidade conhece. Torna-lo, de papel passado, cidadão de Manaus é o mínimo que pode reconhecer e atestar sua completa integração à sociedade local e aos compromissos do poeta com ela e seu povo. Lembrar a Livraria Mayra é inevitável, porque ali foi dado o passo em frente, quando Manaus não tinha mais que bazares onde se vendiam livros, também. Faz pouco, Dori foi feito cidadão amazonense, pela Assembleia Legislativa.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Paleta Poética*

poesia é imagem emoldurada pintada na tela da razão com as brilhantes cores da paleta da vida em nuances vivas de emoção pintura diáfana do que os olhos não veem registro relutante do tempo que não pa

Restos

A carne assada segundo a preferência dos convivas apetite voraz sabor antecipado de gozo estardalhaço alardeando franca e abjeta algaravia vazias as ruas desertas de oxigênio uti’s enfermarias prato f

Nova colaboradora

Nicole Bomfim Seráfico de Assis Carvalho é uma jovem estudante, apreciadora da natureza e das imagens que ela oferece. Por isso, decidiu oferecer oi registro fotográfico do que seus olhos veem. Dela é

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.