Cumprimento de promessa

No caso da contratação de militares para fazer andar a fila do INSS, não há contradição entre o Bolsonaro de ontem e o de hoje. O candidato feito Presidente sempre anunciou seu propósito de encher de militares toda a administração pública brasileira. É o que está fazendo. Só não se pode atribuir coerência a ele porque outros fatos, em muitas outras áreas, primam pelo desmentido em relação ao prometido.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

É, no mínimo, desconfortável a situação do deputado Marcelo Ramos. Não faz muito tempo, ele era tido como um dos mais promissores políticos do Amazonas. Ganhou destaque como membro do PC do B, antes

O editor deste blog suspenderá a postagem de poemas de sua autoria em PanPoética Demia, que chegam ao número 100. Assim como pode haver poesia onde menos se suspeita que ela esteja, haverá férias no e