Criminosos, sim!

O Superior Tribunal de Justiça determinou ao TRF-3 a apuração de delitos praticados por torturadores, que esta instância judicial havia considerado prescritos pela Lei de Anistia. Com a decisão do STJ, o Tribunal Regional Federal deverá pronunciar-se sobre o mérito das questões cíveis, envolvendo autores de crimes como o que roubou a vida do jornalista Wladimir Herzog. Para lembrar: o jornalista, preso pelo DOI-CODI, foi morto em dependências do órgão e dado como enforcado em suicídio. Crimes contra a humanidade não prescrevem.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Repondo a verdade

A necessidade de uma reforma administrativa parece-me indiscutível, mas por motivos e com finalidades absolutamente contrários aos que vêm propalando governo, congressistas e patrões. Com o coro engro

O Rubicão de cada um

Difíceis, muito difíceis – e tenebrosos, os dias que temos vivido. Digo da morte imposta a toda uma população, aqui como em outros lugares do Mundo. A rejeição da Ciência, a agressão aos direitos fund

Fora!