Contra a educação

A Faculdade de Educação da Universidade Federal do Amazonas - FACED arrisca ter seu nome alterado. A destruição de cartazes alusivos a um evento que trataria das religiões de matriz africana diz do engajamento da unidade - não por todos os seus professores e alunos - na caminhada antidemocrática em curso no País. Ainda bem que a ADUA - braço do Sindicato Nacional no Amazonas, já reagiu. A nota de repúdio,porém,.não pode produzir os cartazes rasgados - e a voz silenciada. Fazer isso deveria ser a pena paga pelos castradores de direitos.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Amor e medo

Depende da percepção de cada um a apreciação da realidade. Por isso, fatos evidentes postos diante das nossas caras têm interpretação tão diversa. O Estado, encarrega-se, então, de definir as coisas.

Mais Pensamento, mais Arte

Encerra-se hoje o evento inaugural dos encontros promovidos pelo Núcleo de Estudos de Administração e Pensamento Social Brasileiro - ABRAS/UFF, aqui coordenado pelo Capítulo da Amazônia do grupo de pe