Cabeça e intestino

É frequente as pessoas que não passam fome serem chamadas de esquerda caviar, sempre que defendem maior distribuição de renda e acesso aos direitos pelos que vivem do trabalho. Na falta de argumentos honestos, seus detratores tentam confundir cabeça com intestino. Os que usam a primeira não veem mal em desejar que os outros desfrutem das mesmas oportunidades e confortos de que eles mesmos desfrutam. Os outros, pensando com o outro órgão não podem produzir mais que o que cabe ao intestino produzir. Quem ler texto publicado hoje na FSP, do professor Jorge Coli (UNICAMP), saberá mais do assunto.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Silêncio incômodo

Não é que se deva conceder às Forças Armadas a guarda da Constituição. Para os que prezam a democracia, basta que os servidores públicos fardados se submetam aos mandamentos da Lei Maior. Nada além d

Acorda, Gutemberg!

Leitores, professores, indústria gráfica, editores, ilustradores e outras pessoas dotadas de inteligência sentem-se ameaçados. Os livros ficarão mais caros, caso sujeitos à tributação pretendida pelo

Tudo a ver

Adolescente, sempre que ia a pé para o Colégio Estadual Paes de Carvalho, atravessava toda a rua Riachuelo. No Centro de Belém, na rua estava instalada a maioria dos prostíbulos da cidade. Numerosos c

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.