Anticiência

Em texto lido em artigo de jornal, encontro o nome a ser dado ao sentimento anticientífico em voga no País: reflexo de Semmelweis. Informa-nos o biólogo Átila Iamarino, ao lembrar a resistência, no século XVII à adoção da lavagem das mãos e outras práticas higiênicas nos hospitais. Em Viena, capital austríaca. O defensor da medida acabou em um hospício. Talvez justificando o que ouvi, certa vez: a loucura é o sol que não deixa o juízo apodrecer.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Ser velho no Canadá

Há sociedade em que se pensa mudar a natureza das coisas dando-lhes outros nomes. No Brasil, por exemplo, pensa-se estar melhorando a vida dos velhos chamando-os de idosos ou à faixa etária por eles o

Menos mal

Continuará a chamar-se Praça Nestor Nascimento o logradouro da Praça 14. Houve recuo dos promotores de mais uma das muitas ignomínias que têm vitimado segmentos sociais desfavorecidos. No caso específ

Mercado

Oferta e procura se encontram. Ao final, chegam ao objetivo buscado: o preço. Simples assim, diria o obediente general Pazuello. Atento a isso que se considera a principal lei de um ser etéreo, invisí