A força dos covardes


Mais um negro é atingido por tiros saído das armas de quem é pago para manter a paz pública. E cumprir e fazer cumprir as leis. Desta vez, foi em Winsconsin – um Estado norte-americano, como não?! Onde faltem argumentos e coragem pessoal, aí a arma mostra sua utilidade. Ainda mais, quando há pessoas sobrevivas, nos segmentos minoritários da população. Lutar contra os fortes é prova de coragem; contra os fracos, de covardia. Era o que dizia meu pai

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Relógio e tempo

Hoje, novo poema é postado em PanPoética Demia. Desta vez, ilustrado. Passe por lá, de preferência vacinado e/ou seguindo todas as recomendações da Ciência e dos que a produzem ou respeitam.

Administração e pensamento

Grupo regional de professores e estudiosos da Administração reúne-se virtualmente na tarde da quinta-feira, 04, para elaborar atividades que constarão da reunião anual do ABRAS - Programa de Estudos d

Luzes no caminho

É de um geólogo orientado por estrelas como as que conduziram Melchior, Baltazar e Gaspar, o texto que se lê, buscando o link abaixo. Daniel Nava se chama o profissional, sendo nosso dever evitar seja

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.