A ESTUPIDEZ ME AGRIDE*

Lúcio Carril

A preguiça mental e o ócio intelectual estão criando uma massa de indivíduos estúpidos.

Ter que ouvir que o nazismo era de esquerda e que não existiu ditadura no Brasil não só me choca, como me causa repulsa por tamanha burrice misturada com mau-caratismo.

Ter que ouvir que a Rede Globo e a Folha de São Paulo são comunistas é de uma violência conceitual e histórica que nem merece resposta. Quem afirma uma tolice dessa é incapaz de um raciocínio lógico e coerente.

Ter que ouvir que o PT é comunista ou que estava implantando uma ditadura chavista no Brasil é contundentemente sofrível ao revelar a existência de gente sem capacidade reflexiva e que sequer consegue olhar o que acontece ao seu redor.

Agora duro mesmo é ter que ouvir que o misantropo Bolsonaro é um mito, mesmo que o estúpido que afirme isto não tenha ideia do que seja um mito. Mas só em imaginar que por trás dessa referência existe um desejo de elogio já é o suficiente para me embrulhar o estômago.

Alguém de um país democrático e com boa educação pode achar que este texto é uma ficção. Não é. Isso tudo está existindo no Brasil e vem impiedosamente se agravando. Tem gente assim por aqui.

Termino reafirmando minha disposição de fazer o bom debate, mas com gente sã, com o mínimo de bom senso. Os estúpidos que chafurdem na lama e bem longe de mim.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Por que celebrar Daniel Coelho de Souza?

Parte III Daí que, pouco tempo depois, ao assumir a cátedra de Introdução à Ciência do Direito, que conquistara em memorável concurso público, Daniel Coelho de Souza, após recensear as insuficiências

Teremos um novo normal?

Há quase um ano ouço falar em um novo normal. Tenho muita limitação em entender como se pode ver possibilidade de coisa boa depois de tanta desgraça. Não vejo um mundo melhor pós-pandemia. Na verdade,

Arquitetado e Produzido por WebDesk. Para mais informações acesse: wbdsk.com

Todos os Direitos Reservados | Propriedade Intelectual de José Seráfico.