top of page

A complexidade do ser humano

Conheço pessoas que se dizem revolucionárias nas ideias, reformistas na Política, conservadoras nos costumes. Algumas, marxistas que preferem a evolução conduzida pelos valores humanitários, são apegados aos antigos conceitos de família e amizade. A alguns nem ocorre colocar a moeda acima de outros interesses. Para elas, não se aplica o conceito de que o órgão mais sensível do corpo é o bolso. É verdade que algumas dessas pessoas são de uma geração na qual a garantia de que o cidadão era honesto, culto, solidário revelava-se quando se sabia ser ele comunista. O comunismo desapareceu do mapa e perdeu terreno. Os que o usam agora, quando não é para amedrontar os adversários e conquistar os tolos, fazem-no para aparentar honestidade, cultura e bons sentimentos. Muitos não têm qualquer destas qualidades.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Saudável troca - livros

Para quem gosta de ler e de estimular a leitura, participação no interessante projeto de troca de livros é boa pedida. Nos links abaixo podem ser obtidas mais e melhores informações sobre a meritória

Viva em demasia

Uma mulher levou um morto a uma agência bancária. Apoiando a cabeça de um homem de quem se dizia sobrinha, a mulher pretendia concluir empréstimo já autorizado, de que o morto seria beneficiário. As t

댓글


bottom of page